2013 in review

31 de dezembro de 2013 Deixe um comentário

The WordPress.com stats helper monkeys prepared a 2013 annual report for this blog.

Here’s an excerpt:

The concert hall at the Sydney Opera House holds 2,700 people. This blog was viewed about 24,000 times in 2013. If it were a concert at Sydney Opera House, it would take about 9 sold-out performances for that many people to see it.

Click here to see the complete report.

Anúncios
Categorias:Geografia

Aula 1 – Geografia – Definição e Por Que Estudar

22 de setembro de 2012 Comentários desligados


1 – EJA1 – Geografia – Definição
Geografia é uma palavra que tem origem na Grécia antiga, onde  “geo” significa Terra e “graphos” significa escrever, portanto, Geografia é o estudo e descrição dos fenômenos que ocorrem no planeta Terra.
Modernamente a Geografia é definida como o estudo das relações entre o espaço e as sociedades.

Geografia – para que estudar Geografia?

Estudando Geografia podemos entender melhor o mundo em que vivemos. Podemos compreender melhor como os diferentes povos se relacionam com a natureza. Podemos identificar as principais características do lugar onde moramos, bem como seus problemas e tornar-se um agente na busca pelas soluções.

Geografia – espaço em transformação

O espaço geográfico está em permanente mudança ao longo dos bilhões de anos da existência da Terra. Dois agentes são responsáveis por essas modificações, são eles, a própria ação da natureza e a atividade do homem na superfície da Terra.

Geografia – Paisagem, espaço e lugar

Para a geografia paisagem é o conjunto de elementos naturais e dos elementos humanizados ou culturais, isto é, construido por seres humanos.

Espaço – para a geografia espaço refere-se ao que esta sendo ou foi construído pelos seres humanos. É, portanto, a natureza que já foi transformada pelo trabalho do ser humano.

Lugar – é o espaço onde vivemos em interação com a paisagem e exercemos nossas atividades no dia-a-dia.

Ativando o entendimento do texto – Por que estudar geografia ?

1 – Qual a definição de Geografia ?

2 – Modernamente como é definida a Geografia ?

3 – Relacione três razões que justitificam estudar Geografia ?

4 – Aponte os agentes responsáveis pela transformação espaço geográfico ?

5 – Para a geografia o que é paisagem ?

6 – O que a Geografia denomina de elementos humanos ou culturais ?

7 – Que definição a Geografia da para o termo espaço ?

Categorias:Geografia Tags:

Fusos Horários no Brasil

16 de maio de 2010 Comentários desligados

Fusos Horários sobre o Território Brasileiro

Se preferir faça o download do arquivo no formato .PDF clicando nesse link

O Brasil, desde 1913, e devido a sua grande extensão territorial no sentido leste-oeste apresentava quatro fusos horários. A imagem do mapa essa mostra essa condição, aplicando um exemplo com um horário de 14 horas GMT – Greenwich Meridian Time.

As cores no mapa destacam cada fuso horário. (Referência 14 horas – GMT )

Fuso 1 (GMT – 2) – sobre o Oceano Atlântico (ilhas oceânicas ) GMT-2 = 12 horas.

Fuso 2 (GMT – 3) – abrange os estados do Sudeste e Nordeste, mais Goias, Tocantins, Amapá e parte leste do Pará. Correspondente ao horário oficial do Brasil ou horário de Brasília – GMT – 3 = 11 horas.

Fuso 3 (GMT – 4) – abrange os estados do Norte (exceto Acre), mais, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. GMT – 4 = 10 horas.

Fuso 4 (GMT – 5) – esse fuso tinha efeito somente sobre o estado do Acre – GMT – 5 = 9 horas

Esse sistema com 4 fusos horários vigorou até 2008.

Atenção: Novos Fusos Horários Brasileiros!

Segundo a Lei nº 11.662, de 24 de abril de 2008, a partir de zero hora de 24 de junho de 2008 passaram a vigorar no Brasil 3 (três) fusos horários. Após essa Lei o mapa de fusos horários do Brasil passa a ter nova configuração, conforme mostra o novo mapa dos Fusos Horários no Brasil.

Novos Fusos Horários a partir de 2008

O território brasileiro está localizado a oeste do Meridiano de Greenwich (fuso zero), após essa legislação continua a ter o fuso -2, fuso -3 e fuso -4 ( 3 fusos ). Deixa de existir o fuso -5. Isto quer dizer que em virtude da sua grande extensão territorial, em vez de quatro fusos, agora passa a ter a partir desse decreto, 3 fusos horários somente.  O primeiro fuso (-2 horas GMT) sobre as ilhas oceânicas e mais 2 fusos (-3 e -4 horas em relação a GMT) sobre o território Brasileiro. O horário de Brasília (horário oficial brasileiro) continua -3 horas em relação ao GMT.